quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Primeiro dia de postagem



A moda é uma onda que nos arrasta e se você acha que nunca usaria uma peça de BIOJÓIA por achar que são sem personalidade e meio sem graça, pode estar redondamente enganado.
As BIOJÓIAS deixaram de ser apenas peças feitas de sementes, madeiras e cristais e passaram a aliar técnicas de polimento, cores e texturas muito sofisticadas que as deixam únicas, inclusive conquistando o mercado internacional.



Em época de preservação é muito importante saber cada vez mais, que a natureza não produz lixo e sim matéria prima da mais alta qualidade que se aproveitada de forma sustentável poderá gerar renda aos moradores dos igarapés, onde oportunidades de emprego e renda são escassos.


Hoje encontramos peças de sementes polidas de Jarina que é considerado o marfim vegetal e muitas vezes deixam dúvidas sobre o fato de ser uma semente ou não, sementes de Açaí que provam mais uma vez que esse fruto é realmente abençoado e tudo nele pode ser aproveitado, desde, a sua polpa energética até suas sementes, que dependendo do polimento adquirem cores e texturas completamente diversas.


A ARTE VIVA BIOJÓIAS preza exatamente estas características, de peças que aliam sofisticação, criatividade e exclusividade para que as mesmas possam ser usadas nas mais diversas situações, por pessoas preocupadas com o meio ambiente e que valorizam a natureza como um todo.

2 comentários:

  1. Marília adorei o Blog....o texto ficou excelente tbm....Beijos

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo blog! Que bom gosto... tudo lindo!
    Tenho certeza de que vou ver essa peças em todos os pescoços! Parabéns!
    Beijos Lú

    ResponderExcluir

Comentários